quinta-feira, 23 de junho de 2022

Governo nega orientação para reduzir beneficiários do apoio alimentar

 

O Governo negou hoje a existência de qualquer orientação para reduzir o número de beneficiários do programa de apoio alimentar, contrapondo que houve apenas uma avaliação sobre os cidadãos que cumprem os requisitos para acesso ao programa.

Esta posição foi transmitida pela ministra da Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, em conferência de imprensa, no final da reunião do Conselho de Ministros.

"Não saiu ninguém do apoio alimentar que cumprisse os requisitos. O que a Segurança Social fez, como é sua função fazer, foi garantir que são abrangidos pelas medidas quem cumpre os critérios, até para garantir que outras pessoas possam ser abrangidas e chegar-se mesmo a quem precisa", declarou Ana Mendes Godinho. Ler mais

 

Sem comentários:

Enviar um comentário

"As boas intenções não chegam para resolver a falta de recursos no SNS"

  João Varandas Fernandes é médico especialista em ortopedia e traumatologia no Centro Hospitalar Universitário Lisboa Central, assessor d...