quarta-feira, 31 de maio de 2023

inho de má qualidade enganou júri e ganhou medalha de ouro

 Uma equipa de reportagem de uma televisão belga e um prestigiado provador de vinhos uniram-se para comprovar a teoria de que, muitas vezes, os concursos de vinhos são apenas uma fonte de rendimento para os organizadores. A equipa enviou um produto de baixa qualidade a concurso e a brincadeira concedeu-lhes uma medalha de ouro.

"On n'est pas des pigeons" ("Nós não somos pombos", em tradução livre), da estação belga RTBF, foi o programa responsável pela reportagem que pôs em causa o nome e a credibilidade do concurso internacional Gilbert Gaillard.

Juntamente com Eric Boschman, considerado o melhor "sommelier" (provador de vinhos) da Bélgica em 1988, a equipa belga iniciou uma busca no supermercado pelo "pior e mais barato vinho de todos". Após uma breve degustação, o produto escolhido foi um vinho de 2,49 euros, o mais barato que os organizadores encontraram e o que, para eles, tinha o pior sabor. Ler mais

Sem comentários:

Enviar um comentário

Quer ir trabalhar para fora? De onde procurar emprego à documentação necessária, eis tudo o que precisa saber

  São cada vez mais os portugueses que decidem enveredar por carreiras internacionais. A falta de oportunidades, a procura de melhores con...