sexta-feira, 30 de setembro de 2022

Taxa de inflação acelera para 9,3% em setembro (é a mais alta em 30 anos)

 
Trata-se da taxa mais elevada desde outubro de 1992. 

A subida dos preços parece não ter fim à vista. Os dados preliminares divulgados esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) revelam que a taxa de inflação terá acelerado para 9,3% em setembro, aquele que é o valor mais alto em 30 anos - desde outubro de 1992 que a taxa não era tão elevada. 

"Tendo por base a informação já apurada, a taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) terá aumentado para 9,3% em setembro, taxa superior em 0,4 pontos percentuais (p.p.) à observada no mês anterior e a mais elevada desde outubro de 1992", pode ler-se no relatório do INE

Quanto ao indicador de inflação subjacente - índice total excluindo produtos alimentares não transformados e energéticos - terá registado uma variação de 6,9% em setembro (6,5% no mês anterior), o registo mais elevado desde fevereiro de 1994.  Ler mais

 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Proibição de carros novos a gasóleo e gasolina ameaça soberania da UE no setor

  O Tribunal de Contas Europeu alertou que a proibição da venda de automóveis novos a gasolina e a gasóleo a partir de 2035 pode por em ca...