quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

Ruído em teletrabalho. Associação Zero pede ao Governo para integrar proposta no estado de emergência

A associação ambientalista Zero reiterou hoje o pedido ao Governo para integrar o apelo mais concreto do Presidente da República para um decreto-lei da redução do ruído permitir o teletrabalho durante o estado de emergência.

“Há 15 dias atrás a Zero manifestou-se favoravelmente pela presença na proposta de Decreto do Presidente da República para a renovação do estado de emergência da preocupação com o ruído que afeta muitos trabalhadores em tarefas remotas a partir das suas residências”, refere o comunicado da associação ambientalista.

De acordo com a Zero, a proposta em causa “ficou sem qualquer resposta pelo governo”, nomeadamente pelo primeiro-ministro António Costa quando questionado após o Conselho de Ministros de 11 de fevereiro. Ler mais

 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Proibição de carros novos a gasóleo e gasolina ameaça soberania da UE no setor

  O Tribunal de Contas Europeu alertou que a proibição da venda de automóveis novos a gasolina e a gasóleo a partir de 2035 pode por em ca...